Workshop DestinationNEXT dá início ao projeto “Visão Iguaçu”

Em 10 anos de atuação, a Gestão Integrada do Turismo, formada pelo Iguassu Convention & Visitors Bureau, Itaipu Binacional, Secretaria Municipal de Turismo e Fundo de Desenvolvimento e Promoção Turística do Iguaçu, foi propulsora de mudanças profundas que levaram o Destino Iguaçu a ser reconhecido como um dos melhores destinos turísticos do mundo. A união conseguiu mudar a imagem do Destino e agora caminha para um novo e importante desafio: pensar, novamente em conjunto, o futuro que se quer para a próxima década.

Para isso foi criado o “Visão Iguaçu”, projeto que, a longo prazo, prevê a criação e desenvolvimento de ações para promoção e fortalecimento do turismo. A iniciativa conta com uma consultoria técnica responsável pela construção de um planejamento estratégico. A metodologia é gerida por três empresas, a australiana GainingEdge e as canadenses InterVistas e Twenty 31, especializadas em planos de marketing de destinos, levantamento de melhores práticas no setor de turismo e branding, com experiência em projetos em mais de 70 países.

Na opinião do presidente do Iguassu CVB, Altino Voltolini, o “Visão Iguaçu” representa a segunda etapa de tudo que foi feito nesses últimos dez anos e a expectativa é de que esse trabalho venha coroar o esforço de todas as instituições que fazem parte da Gestão Integrada. “Os resultados da primeira etapa são incontestáveis, tivemos um crescimento maravilhoso, mas é preciso ir além e, mais uma vez, a gente vai se convencer de que teremos de lutar por algumas necessidades para consolidar o Destino”, acredita Altino.

O projeto

Dividido em quatro fases, a primeira etapa da consultoria internacional reuniu lideranças da Gestão Integrada, gestores e empresários da cadeia produtiva do turismo, formada por hotéis, agências de viagens, atrativos, organizadores de eventos e montadoras para o Workshop DestinationNEXT.

Durante três dias, eles participaram do diagnóstico de padrão internacional que proporcionou uma avaliação em tempo real sobre o cenário e o potencial da cidade. O grupo também conheceu boas práticas adotadas por destinos internacionais de referência como Canadá e Austrália.

O secretário municipal de Turismo de Foz do Iguaçu, Gilmar Piolla

Para o Secretário Municipal de Turismo, Gilmar Piolla, o projeto irá nortear as ações da Gestão Integrada nos próximos anos e será importante pela experiência da consultoria para que o Destino Iguaçu possa se reposicionar, sobretudo no mercado internacional. “Estamos bem no mercado doméstico e latino-americano, mas precisamos dessa experiência para nos posicionarmos melhor enquanto destino e também enquanto marca”, destaca Piolla.

Destinations International

Conduzida pelos consultores Greg Klassen, Ana Maria Viscasillas e Graziela Padoin, a oficina prática contou com a ferramenta exclusiva da Destinations International – Associação Internacional de Marketing de Destinos, que apoia o desenvolvimento e alinhamento da indústria, proporciona conhecimento, interatividade, inovação e relacionamento, preparando os destinos para o futuro. Na sequência serão validadas as estratégias e trabalhados aspectos como visão de futuro, canais de vendas e de promoção e mensuração de resultados. Mais adiante será feita a implementação, orientando quem faz o que e como fazer.

O consultor da GainingEdge, Greg Klassen

“Esse é um projeto corajoso e convida todos a uma reflexão. Esse olhar para si mesmo contribui para compreender e transformar problemas em oportunidades, pois este é um Destino com potencial para crescer três vezes mais, gerando mais empregos e renda”, afirma o consultor Greg Klassen, da GainingEdge. Ele reforça a importância de que todos compreendam que “o projeto é para o Destino e que tragam mais lideranças para participar e arregaçar as mangas e trabalhar realmente para que ele tenha continuidade e para que as soluções sejam perenes e concretas”.

 

 

 

Assessoria de Imprensa Iguassu CVB – Jornalista: Andréa David (45) 99971-9751

Fotos: Filipe Lafuente/Iguassu CVB